IPV - Instituto de Pastoral Vocacional



Busca



Loja Vocacional


Chamados pelo nome
Xavier Pikaza


Projeto Emaús
Dom Eurico dos Santos Veloso




Bíblia: a grande companheira
Patrizio Rota Scalabrini


Pedi ao Dono da messe que mande operários
IPV



mais produtos


Recados

"Olá, muito bom poder contar com este espaço interativo; que nos ajuda sempre buscar reinventar novas maneiras de fazer conhecer e amar Jesus. Parabéns! Ir. Antonia - canossiana."


Ir. Maria Antonia








Carta Compromisso da Região Sul

04/06/2014


Ide e Anunciai!


"Ao sair da barca, Jesus vê uma grande multidão e se enche de compaixão

porque eram como ovelhas sem pastor. E começa a ensinar-lhes muitas coisas" (Mc 6,34).


 

 

1. Nós, animadores e animadoras vocacionais dos quatro Regionais da macrorregião pastoral Sul do Brasil – S1 (São Paulo), S2 (Paraná), S3 (Rio Grande do Sul) e S4 (Santa Catarina) –, iluminados pelo tema: "Ide e anunciai! Vocações diversas para uma grande missão!", participamos do Simpósio Vocacional do Brasil, realizado no Centro Mariápolis Ginetta, em Vargem Grande Paulista (SP), de 16 a 18 de maio de 2014. Somos cristãos leigos e leigas, pessoas de vida consagrada e ministros ordenados, em comunhão com as outras quatro macrorregiões pastorais do País: Região Centro-Oeste (CO, N3, O1 e O2); Região Leste (L1 e L2); Região Nordeste (Regionais NE1, NE2, NE3, NE4 e NE5); e Região Norte (N1, N2 e NO).


2. O evento, inédito nesta dinâmica, organizado pela Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CMOVC-CNBB) e pelo Instituto de Pastoral Vocacional (IPV), tem por objetivo promover a cultura vocacional na Igreja e na sociedade e avançar no discipulado missionário, conscientes de formarmos a assembleia dos chamados, escolhidos e enviados para a grande missão.


3. Recordamos os 50 anos do Concílio Vaticano II (1962-1965), os 50 anos da instituição do Dia Mundial de Oração pelas Vocações (1964) e os eventos vocacionais de nosso Continente e País (congressos e anos vocacionais). A história da Pastoral Vocacional/Serviço de Animação Vocacional (PV/SAV) no Brasil vem construindo valiosos subsídios de conteúdo teológico-pastoral que nos orientam no serviço eclesial às vocações. Partilhamos a riqueza de experiências e iniciativas realizadas em nossas comunidades, paróquias, dioceses e regionais.


 

Diversidade a serviço da unidade

4. Refletimos sobre a riqueza da diversidade a serviço da unidade. O exercício do ministério da Trindade Santa – Deus Pai e Filho e Espírito Santo – ilumina e capacita-nos à missão de construir comunhão e cultura vocacional, sem fragmentação ou uniformidade. Em uma Igreja toda ministerial é essencial o exercício da autoridade a serviço da alteridade, como Jesus nos ensina no lava-pés. Animação Vocacional é um serviço de Igreja, requer atitudes de humildade e docilidade discipular, de conversão pastoral e formação permanentes. Enquanto animadores e animadoras vocacionais, em nossa forma de expressão e ação, necessitamos manifestar explicitamente o valor de todos os carismas, serviços e ministérios suscitados pelo Espírito e presentes na Igreja.


 

Para uma grande missão

5. Nós nos comprometemos a fazer com que nas agendas pastorais dos organismos e setores eclesiais (paroquiais, diocesanos e regionais), dentre as prioridades, esteja a animação vocacional com o respectivo apoio integral às Equipes Vocacionais Paroquiais (EVPs). É urgente o cuidado da cultura vocacional e o fortalecimento da cultura do encontro, provocados pelo papa Francisco em sua alegria de anunciar o evangelho.



 

Indicações aos planos de PV/SAV


6. Investir na formação vocacional de todos os membros da comunidade eclesial, com atenção especial aos membros da equipe de PV/SAV, utilizando-se de estratégias criativas, tais como:


a) Simpósios Vocacionais anuais, em âmbito paroquial, diocesano e regional, envolvendo as pastorais e os organismos do povo de Deus (catequese, juventudes, família, novas comunidades, movimentos eclesiais, institutos seculares, religiosos e religiosas - CRB local – entre outros);


b) Escolas Vocacionais, Encontros para jovens vocacionados e animadores vocacionais, em âmbito paroquial, diocesano e regional;


c) Catequese Mistagógica em todos os níveis e idades, com atenção especial ao acompanhamento de adolescentes e jovens, motivados por um itinerário vocacional e a construção do próprio projeto de vida.


7. Fomentar a oração pelas vocações em todos os espaços de Igreja, conscientes de que toda a Palavra de Deus é vocacional, com ênfase às modalidades:


a) Leitura Orante da Palavra de Deus;


b) Grupos de Reflexão/Círculos Bíblicos;


c) Celebrações Litúrgicas e da Palavra, Tríduos, Hora Eucarística, Oração do Terço, Romarias, Caminhadas e Pedaladas Vocacionais...


8. Enfatizar a dimensão eclesial, missionária e intercongregacional da ação vocacional, abrindo-se às fronteiras geográficas e humanas, com linguagem apropriada, também nos espaços midiáticos.



 

Chamado, escolha e acompanhamento


9. Sentimo-nos agraciados por Deus, o Senhor da messe; por Jesus Cristo, constantemente chamando seguidores e seguidoras; e pelo Espírito Santo, presente em nossa vida. Maria de Nazaré, vocacionada do Pai, discípula missionária de seu Filho e atenta ao Espírito, orienta-nos, com ternura e convicção, a "fazer tudo o que Ele disser" (Jo 2,5).

 

Participantes do Simpósio Vocacional do Brasil - Região Sul.