IPV - Instituto de Pastoral Vocacional



Busca



Loja Vocacional


Caderno Vocacional - Caminhos 2017
Instituto de Pastoral Vocacional


Caderno Vocacional - Caminhos 2017
Instituto de Pastoral Vocacional




Chamados pelo nome
Xavier Pikaza


Projeto Emaús
Dom Eurico dos Santos Veloso



mais produtos


Recados

"Olá, muito bom poder contar com este espaço interativo; que nos ajuda sempre buscar reinventar novas maneiras de fazer conhecer e amar Jesus. Parabéns! Ir. Antonia - canossiana."


Ir. Maria Antonia





Artigos

 
  
 

Carta a um vocacionado

08.04.2014

Querido Vocacionado,
Hoje, nesta primeira carta que te escrevo, gostaria de falar-te sobre vocação. Lendo o Evangelho de Mateus, me deparei novamente com o texto da vocação dos primeiros discípulos. Quero convidá-lo a revivermos, agora, esta experiência de Pedro, André, Tiago e João.
Imaginemos: Jesus andava pela beira do Mar da Galiléia. Ele não apenas passeava, mas estava certo do que queria: o Senhor desejava inaugurar uma nova pescaria na qual não são peixes os fisgados, mas os corações humanos. Naquela manhã, Jesus haveria de realizar pela primeira vez esta nova pescaria: roubaria para si o coração desses primeiros discípulos!
Meu querido vocacionado, imaginemos o impacto que esta proposta do Senhor causou nos corações desses homens: “segui-me e eu farei de vós pescadores de homens!” Nunca algo semelhante lhes havia sido proposto. Nunca algo tão grande, nunca algo tão instigante e desafiador.
Os discípulos, penso eu, ficaram estupefatos. Provavelmente, experimentaram muitas coisas: temor, medo do novo, entusiasmo... certamente, estes pescadores ponderaram, refletiram. Contudo, a proposta do Senhor estava carregada de realismo e suas palavras, de convicção. Não podiam resistir: deixaram tudo e o seguiram!
Que história belíssima! Pois bem, meu querido, essa história é real e atual. Hoje, somos nós, eu e você que estamos na beira deste mar! O Senhor passa e sua presença é fascinante. Ele nos olha e nos convida a segui-lo, pondo diante de nós horizontes cuja amplitude nunca poderíamos prever: te farei pescador de homens!
Você já pensou nisso? Na sua vida, alguém foi capaz de te propor algo assim tão estimulante, tão desafiador?
Meu caro, é o Senhor que passa! Deixemos com que Ele nos olhe, com amor. Escutemos a sua proposta e, ainda que com temor e tremor, lhe digamos sim! Deixemos tudo!


Pe. Elton Santana dos Santos.